a conversa

…Margarida Pimpim

A Dress For Success® Lisboa (DFS) vai inaugurar o Cantinho da Costura, liderado pela nossa Margarida Pimpim – que integrou a IV edição do PWG (Professional Women’s Group).

Para que fique a par de todos os serviços que serão prestados – e por quem serão prestados – continue a ler!

O que é o Cantinho da Costura e que tipo de serviços podemos esperar?

Aqui no Cantinho da Costura podemos esperar muitas transformações. Pequenos arranjos e roupa à medida! Mas principalmente a transformação, que é o que eu gosto de fazer!

Em suma, haverá duas grandes vertentes: eu complementarei o trabalho que a Boutique DFS faz às suas mulheres, arranjando as roupas a cada uma delas de maneira personalizada. É uma parceria gratuita que fará com que o serviço da Dress seja mais célere e eficaz. Para além disso, a reciclagem da roupa doada será maior, evitando que as roupas fiquem aqui paradas tempo demais.
A outra vertente é para os sócios e público em geral. Tudo o que as pessoas pensarem eu faço. E para os sócios da Dress vai haver um desconto de 10%, por isso espero ter muitos clientes!

Qual foi o seu maior desafio na arte da costura e transformação?

A peça que eu gostei mais de transformar foi umas calças de ganga num casaco Chanel! Esse desafio ficou perfeito – para mim – que gosto de coisas diferentes! Também gostei muito muito (repete-se para enfatizar o gosto por este trabalho) de fazer parte dos arranjos de um vestido de noiva, feito pela estilista onde eu estagiei depois de terminar o curso na Modatex. Este projecto ensinou-me muita coisa porque estava a trabalhar um tecido e técnica diferentes daquilo a que estava habituada: muitas saias, saiotes e rendas. Gostei muito muito e ficará sempre como uma boa recordação!

No vestuário, qual é a sua peça de eleição para vestir?

Calças de ganga! Eu acho que quem inventou a calça de ganga, inventou tudo. Calça de ganga é genial, sou a maior fã! A maior!

A agulha e o dedal são ferramentas que a Margarida já dominava. Que ferramentas novas lhe deu a DFS para avançar com este projecto? 

São ferramentas essenciais! Primeiro, deu-me A Oportunidade, o que foi para mim o meu maior desafio e orgulho, a ferramenta principal. Depois, a possibilidade de fazer coisas a que já estou habituada porque tirei o curso de Modelagem de Vestuário na Modatex. Espero que as pessoas me tragam muitas peças que já não vistam para eu as transformar em algo novamente útil, e ainda por cima exclusivo.

A costura é para si um trabalho, uma terapia ou ambos?

É uma paixão! (diz sem hesitar) Desde os 5 anos, por causa da minha avó que me ensinou na oliva dela a pedal. Sempre foi uma paixão: tanto para fazer roupas para as minhas bonecas, como simplesmente vê-la ali a costurar.

Como fiquei desempregada há 4 anos, juntou-se o útil ao agradável. Sou desenhadora de formação e juntei mais tarde as medidas e as contas com o curso de modelagem de vestuário. Assim, fui buscar as saudades que tenho hoje, infelizmente, da minha avó – que representa a costura – e o desenho – que faço desde pequenina.

Foi mesmo o útil e o agradável juntos num período complicado aos 42 anos. Foi uma tábua de salvação! Esta oportunidade que a Dress me está a dar vai resultar muito bem!

Na sua opinião, o que é que todos deveriam saber costurar/coser? Tipo obrigatório, modo de sobrevivência!

Hum…. (fica pensativa) Eu também dou aulas de costura a crianças e trabalhamos muito as mãos. E eu acho que uma pessoa que costura bem à mão, desenrasca-se lindamente! Depois a máquina vem, claro, se quiser fazer roupas etc.

Mas a coisa mesmo básica é coser a direito. Como já disse, eu acho que a costura é uma paixão mas para muita gente é uma terapia, uma pessoa costura ali os seus problemas. Por isso, para qualquer mulher que queira e que goste, coser à mão é a cereja no topo do bolo!

Gostávamos de conhecê-la um pouco melhor! Pode ser? Já sabemos que a costura é uma das suas paixões. Podemos saber que outras 2 paixões tem?

O meu filho! (diz sem hesitar) Está em primeiro lugar, sem dúvida. E…. Que alguém me dê sempre força para eu ser como sou! Não sei se é paixão se é um sonho…

Que mensagem dá a outra Mulher?

Que aconteça o que acontecer, pensem sempre que são capazes.

Francisca Pedra Soares, para a Dress For Success

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Artigos recentes

Vinte Vinte. Um clássico azul

Está aí a virada do ano (como diriam os brasileiros), só que desta vez, alto e para o baile: vira o ano e também vira a década: chega Vinte Vinte. As expectativas são altas, os

Bandoletes ao vento

Venho aqui, mais uma vez, assumir-me como uma total e completa Vítima da Moda. E falo-vos do coração, como sempre.           Pegando na minha nostalgia de infância, conto-vos uma história antiga (porque julgo que vem

À Conversa com Ana Rendall

Atrás dos looks da semana e das redes sociais da Dress for Success® Lisboa (DFS) está a Ana Rendall. Uma mulher de ideias fortes, com um sorriso discreto que guarda todo o carinho do mundo

In the sha-a, sha-a-adow

Neste momento, provavelmente estamos todas com a mesma música na cabeça, a duvidar da letra. Ótimo, estamos todas na mesma página, podemos avançar. Se no verão passamos bem sem base, no outono já nos faz

Save for a dress, save for your success

No dia 31 de Outubro celebra-se o dia mundial da poupança. Quase todos os dias ouvimos falar nela, em como é importante e como nos devemos esforçar para amealhar o máximo possível. Mas antes de

A Alimentação que nos faz sentir bem!

As problemáticas associadas a uma má alimentação, são hoje muito debatidas, com o aumento dos níveis de obesidade (22% dos portugueses têm obesidade e 34% pré-obesidade, de acordo com estudo recente do Instituto de Saúde