Captura de ecrã 2021-01-25, às 20.30.55

O que comemos hoje?

Por vezes, a gestão das refeições familiares são uma causa de stress. A famosa pergunta «o que vamos comer hoje?» pode chegar a ser irritante, e a falta de organização pode causar uma alimentação pouco equilibrada, além de potenciar gastos desnecessários. Pensa em quantas vezes tiveste de deitar no lixo comida fora do prazo ou estragada. Agora, continua a ler para que não aconteça mais.

O segredo está em criar uma ementa mensal de refeições. A ementa vai permitir desenvolver um plano de alimentação equilibrada e reduzir os gastos no teu lar:

  1. Começa por definir que tipo de proteína vais cozinhar a cada dia da semana (exemplo para apenas jantares em casa de uma família não vegetariana: Segunda feira, frango. Terça feira, atum ou salmão. Quarta feira, legumes. Quinta feira, peixe branco. Sexta Feira, vaca)
  2. Faz uma listagem das tuas receitas preferidas para cada proteína.
  3. Espreita a tua despensa e, com todos os produtos que já tens, seleciona receitas para os utilizares. Isto vai permitir não acumular, não deixar passar a data de validade e fazer as compras baseadas nas necessidades reais, gerando um gasto muito mais baixo.
  4. Numa folha desenha o calendário do mês seguinte. Em cada dia, e alinhado com os pontos anteriores, insere os pratos que tencionas cozinhar. É mesmo importante que faças isto para um mês completo, porque não é um trabalho rápido e, para ser sincera, não é divertido. No entanto, é muito eficaz. Trabalhar o mês completo vai permitir-nos sentir o benefício e voltar a fazê-lo no mês seguinte.
  5. Com todas as maravilhosas receitas escolhidas para cada dia do mês, e depois de saber o que temos na despensa, vamos ver o que nos faz falta e fazer a lista das compras. Se no próximo mês só vamos comer peito de frango um dia e somos quatro em casa, seguramente não é preciso comprar mais de quatro ou cinco peitos.

Se leste até aqui podes pensar que não tens espaço para guardar as compras mensais, eu também não tenho. O fato de ter decidido as refeições da semana permite fazer compras semanais muito mais específicas e evitar comprar coisas que não irás comer. Se precisares de inspiração na listagem de receitas sugiro que espreitem as ementas mensais nos sites das escolas.

Com uma despensa mais equilibrada, e gastos mais sensatos, poderás sentar-te à mesa com a família e usufruir de refeições mais felizes.

Bom apetite.

Mª Covadonga Aparicio Garcia
Blogger de Organização

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Artigos recentes

Coloque o seu melhor acessório: o Sorriso

A Imagem é fundamental, sendo indiscutível a sua importância, tanto a nível pessoal como profissional. Cuidar da imagem é sinónimo de autocuidado, confiança, autoconhecimento, valorização, de autopoder e até de profissionalismo. Todos os dias tem

Desmistificando: Body Positivity

O conceito Body Positivity, traduzido para «Positivismo Corporal» define a ideia de que todos os corpos devem ser aceites e amados independentemente dos estereótipos marcados pelas culturas e sociedades. Algo básico, não? Podemos olhar para

Este ano o Carnaval é outro!

Longe de mim falar-vos de Carnaval em tempos difíceis e de grande preocupação para todos. O Carnaval passa para segundo, terceiro, quarto … plano e muito bem. Mas aproveito-me (do Carnaval) para vos falar de

À Conversa com Nuno Costa

Nuno Costa, Personal Trainer de Profissão, fala-nos de como o exercício físico é um dos melhores aliados do bem-estar psicológico, especialmente em tempos de pandemia. Porquê uma carreira virada para o desporto e o que

A coragem para a mudança

A vida é uma constante prova de superação dos nossos anseios e medos mas também uma constante prova de coragem, que nos liberta das amarras que nos bloqueiam para ir mais longe, para ir por