Captura-de-ecrã-2021-01-17-às-15.20.49

Vrrrum… é sempre a rolar!

Um dia destes, quis mostrar-me inteligente junto de alguém do sexo oposto, que queria ter razão numa conversa sobre automóveis. Expliquei que poderia dar-me o benefício da dúvida, porque eu conduzo um carro de caixa manual!

Não significa que carros de caixa automática sejam para gente burra, mas não é irritante quando os homens pensam que as mulheres não sabem conduzir só por serem mulheres? O facto é que a piada acalmou os ânimos e consegui ter razão, que era o objectivo.

Fiquei a pensar no assunto, porque de facto na condução as pessoas revelam-se, já repararam? Se tiverem oportunidade, observem a condução das pessoas no trânsito, logo pela manhã. Ele há os «stressadinhos» que andam sempre a mudar de fila. Os que conduzem sempre colados ao carro da frente. Os que vão na faixa do meio, em velocidades baixas e nos obrigam a ultrapassar pela direita, tendo de quebrar uma regra básica da condução. Já para não falar dos que andam com carros transformados a fazer barulho a altas horas da noite. E aquelas pessoas sábias que insistem em estacionar em locais que, objectivamente, são mais pequenos que o próprio carro?

De facto, há tipos de condução para todos os gostos, idades e géneros. E todos nós, em alguma altura, já pertencemos a algum deles, certo?

Pois eu, confesso, adoro conduzir, gosto de quebrar algumas regras, dou preferência a ir de um destino a outro usando o meu sentido de orientação e nunca o GPS… e até agora, tenho aproveitado bem.

Mas há de facto uma tendência para que o mundo automóvel tenha mais sucesso entre os homens, porque tudo o que é mecânica os atrai: saber qual a cilindrada, quantos cavalos, quanto gasta aos 100, ouvir o motor sem motivo aparente… apenas para referir alguns exemplos básicos.

E as mulheres afinal o que preferem na condução? Pelo que pude observar, uma percentagem significativa conduz por necessidade. Dão preferência a carros económicos e pequenos. Mas mulher que se preze, tem de ter um carro com estilo! A estética entre o público feminino tem muita importância. Em questões mecânicas, quando precisam pedem ajuda e está o assunto resolvido. O carro é para andar, não é para criar relação.

Assim sendo, estimadas amigas, comecem bem o novo ano acreditando nos vossos talentos e inteligência, sobretudo se conduzirem um carro de caixa manual!

Filomena Gonçalves
Blogger, a construir um sonho de cada vez
www.theladyintheblackdress.wordpress.com/

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Artigos recentes

Coloque o seu melhor acessório: o Sorriso

A Imagem é fundamental, sendo indiscutível a sua importância, tanto a nível pessoal como profissional. Cuidar da imagem é sinónimo de autocuidado, confiança, autoconhecimento, valorização, de autopoder e até de profissionalismo. Todos os dias tem

Desmistificando: Body Positivity

O conceito Body Positivity, traduzido para «Positivismo Corporal» define a ideia de que todos os corpos devem ser aceites e amados independentemente dos estereótipos marcados pelas culturas e sociedades. Algo básico, não? Podemos olhar para

Este ano o Carnaval é outro!

Longe de mim falar-vos de Carnaval em tempos difíceis e de grande preocupação para todos. O Carnaval passa para segundo, terceiro, quarto … plano e muito bem. Mas aproveito-me (do Carnaval) para vos falar de

À Conversa com Nuno Costa

Nuno Costa, Personal Trainer de Profissão, fala-nos de como o exercício físico é um dos melhores aliados do bem-estar psicológico, especialmente em tempos de pandemia. Porquê uma carreira virada para o desporto e o que

A coragem para a mudança

A vida é uma constante prova de superação dos nossos anseios e medos mas também uma constante prova de coragem, que nos liberta das amarras que nos bloqueiam para ir mais longe, para ir por